Em entrevista dada ao SPTV  – (Rede Globo) do dia 18-03, o especialista em condomínios, Marcio Rachkorsky, esclarece as medidas a serem tomadas de maneira simples e dinâmica.

Confira e siga as recomendações!

Áreas Comuns:

-Devem ser fechadas. Evitar muita gente no mesmo ambiente é uma prática essencial para o momento. É DEVER do síndico fechar academia, brinquedoteca, piscina, e até mesmo o parquinho ao ar livre e quadras poliesportivas.

Salão de Festas:

-Cancelar as reservas do salão. É DEVER do síndico proibir festas e outros eventos no salão. Não há o que se discutir neste instante, se houver a violação da regra ou insistência, o próprio síndico pode discar 190 e acionar a polícia.

Elevadores:

-Social ou serviço, a primeira recomendação é disponibilizar álcool gel. Em seguida, algumas medidas limitar a uma família por vez ou uma pessoa por vez para minimizar os riscos. A equipe de limpeza deve desinfetar devidamente paramentados, todos os pontos de possíveis contaminações periodicamente.

Convidados:

-Aplicativos de hospedagem devem ser cancelados. Eventuais transições de infectados podem fragilizar todas as outras medidas.

Assembléias:

-Todas as assembléias devem ser canceladas bem como reuniões para eleger novos síndicos, e também as de contas a pagar. Tudo que for realmente urgente deve ser comunicado diretamente aos moradores via WhatsApp ou e-mail.

Tendo como realidade a letalidade e a facilidade de transmissão deste novo vírus e considerando que ainda não há vacinas e um tipo de tratamento específico, devemos pensar em nós e também nos nosso vizinhos.

Vale-se o bom senso acima de tudo.

Diante disso, se todos fizermos a nossa parte, teremos mais chances de ganhar tempo para desenvolvermos uma defesa contra o coronavírus. A precaução é extremamente necessária e todas as outras medidas restritivas designadas pelo Ministério da Saúde também devem ser cumpridas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *