A porta de entrada do condomínio é literalmente a porta de entrada por onde transitam tanto moradores quanto visitantes e prestadores de serviço. Sendo um “filtro” de segurança também, esse local deve receber atenção redobrada, e o porteiro, personagem essencial nesse ambiente, é o grande responsável pela segurança e ordem no local.

A postura do porteiro faz dele o principal alvo caso haja alguma tentativa de assalto ao condomínio. Por causa disso, é essencial que esse profissional esteja preparado para agir em casos de perigo, seguindo os deveres atribuídos ao seu cargo.

Mas quais são os deveres do porteiro e quais são as funções deste cargo dentro do condomínio? Confira:

Funções do porteiro:

As atividades do porteiro dentro do condomínio dividem-se em três principais focos: correspondência, autorização de entrada/saída e ordem do local. A seguir, vamos explicar cada ponto detalhadamente:

Correspondência:

Tanto as correspondências convencionais, quanto pacotes e demais entregas, chegarão na portaria de condomínio, assim, o porteiro deve estar a postos para receber e distribuí-las e recomenda-se evitar ao máximo a entrada de estranhos no condomínio. No caso de entregas, o porteiro deve entrar em contato com o morador e solicitar que venha buscar a encomenda direto na portaria. Desta forma, evita-se que um estranho tenha acesso ao interior do condomínio, garantindo a segurança de todos.

Autorizações de entrada e saída:

É função do porteiro permitir a entrada e saída de pessoas que não moram ou trabalham no condomínio. Sempre que houver uma visita ou presença de um prestador de serviço, deve-se pedir a identificação do indivíduo antes de permitir a sua entrada no condomínio. E, apenas após a confirmação por parte do morador e devida identificação, poderá ser liberada a entrada da pessoa ao condomínio.

Mesmo que o indivíduo visite o local com frequência, é dever do porteiro fazer a conferência todas as vezes. É importante flexibilizar o mínimo possível e sempre confirmar se há realmente à espera por parte do morador.

Ordem do local:

O funcionário deve permanecer na portaria de condomínio o máximo de tempo possível, mantendo-se alerta ao que ocorre no entorno do empreendimento, ele também pode ser escalado para notificar os moradores sobre qualquer anormalidade dentro do condomínio, como um corte na tubulação de água ou interrupção do funcionamento dos elevadores. Faz parte das atribuições do porteiro manter a ordem na portaria.

Fator importante:

Aos síndicos e os moradores: ter a consciência de nunca desvirtuar o porteiro de sua função na portaria. Ajudar com as compras ou manobrar um carro na garagem não fazem parte das funções do profissional e ainda prejudicam a segurança do condomínio.

Adquira uma infraestrutura qualificada e modernizada ao seu condomínio, conte com o sistema Matias e obtenha desde de uma administração otimizada até a segurança da portaria!

https://www.instagram.com/matias_adm_condominios/

https://www.facebook.com/matiasadmcondominios/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *